domingo, 18 de maio de 2008

Comédia dos ERros

A Comédia dos erros, dirigida por mim com a Companhia Nós Outros continua em cartaz, todo o final de semana de maio (até 01 de junho) sempre (e sempre mesmo) às 20hs.

na segunda semana de apresentação, no sábado foi um daqueles dias iluminados. até pareceu que o teatro de belém tinha voltado aos bons tempos. o volume de espectadores que aguardavam para ver o espetáculo, me dava a sensação que teatro é um programa aguardado pelo habitantes de Belém. e se o espetáculo é bom, cria-se se o hábito.
acho que conseguimos isso, ontem.

depois de uma bruta e chata chuva, que durou até dez minutos antes do espetáculos, abrimos as portas ccom a casa completamente lotada. (tivemos que colocar 30 cadeiras extras) e, tenho certeza, que quem estava lá, saiu satisfeito com a escolha de enfrentar um possível chuva durante o espetáculo. graças a Nazica isso não aconteceu.

sem confetes. mas o grupo está respondendo muito bem ao que a montagem pede.
A resposta, o resultado disso, é um público que se diverte do início ao fim.

e aí, é o bacana do fazer teatral.

ver o público com os olhinhos brilhando, como que pedindo, me emocione! me emocione! e isso acontecer, é uma sensação deliciosa.

por isso acredito no teatro.

quando as coisas estão bem. quando temos artistas responsáveis com o seu ofício no palco, a relação se dá de maneira deliciosa e duradoura.

11 comentários:

papistar_nunes disse...

A "comédia é dos erros" mas as opiniões a respeito do espetáculo,não tem erro:"é ótima".Divertidíssima. Adoreiiii!! e Shakespeare agradece.Bjs.

J.BOSCO disse...

Mestre Barrozão,cadê os links, desse precioso blog?
abs

J.BOSCO disse...

Esse blog realmente tem conteúdo,vou aportar todos os dias aqui,meu nobre amigo.
abs

J.BOSCO disse...

Vou linkar essa pérola lá no meus favoritos!!
É só conferir!!
abs

J.BOSCO disse...

Pronto, já linkei,cumpadi!
abs

J.BOSCO disse...

Adriano, a Wânia disse que você nessa foto tá lembrando o ator americano Samuel L Jackson...rs!
abs

J.BOSCO disse...

Acho que você parecido com o James Stewart em "A felicidade não se compra",ou "Festim Diabólico", coisa fina,meu cumpadi.
Os medíocres estão morrendo de inveja.
E as estrelas???estão brilhando a onde???
abs

J.BOSCO disse...

Vamos ouvir Nilton César e José Augusto, matar a saudade dos tempos de ouro da música, lá no seu precioso quintal!!!
abs

J.BOSCO disse...

Vamos levar o genial ensimesmado WALDEZ!!!!
abs

Lázaro disse...

Lazoca. Conheci hoje,quando voltei no tempo. Estou emocionado e orgulhoso. Concordo com a Wânia e com o J. Bosco sobre o perfil da foto. Minha primeira impressão foi traduzida em gargalhada, lembrando os tempos dos "Canalhas com Princípios". Ficou bacana!

Hudson Andrade disse...

Porra, agora que vi essa postagem.
Voltei no tempo e lembrei daqueles dias molhados (mesmo!!!), em que a angústia de um céu fechado era recompensada pelas gargalhadas e pelos aplausos.
Faz muito tempo já!
Tomara que outubro chegue logo, pra gente se divertir novamente e mocionar a platéia. Dessa vez, deixa chover (pelo menos durante o espetáculo!!!)
Beijos!

Ah! posta aí um aviso do Homem no próximo final de semana.